Seis cachorros serão ‘cãodulas’ no Brasil Open de Tênis 2018


Seis cachorros foram “escaldados” para atuar como “cãodulas” e pegar bolinhas durante a semifinal do Brasil Open de Tênis 2018, no próximo dia 3 de março, em São Paulo.

O time de cães gandulas é formado por Bobby, Duda, Gabriel, Kika, Mel e Thor. A expectativa é que os animais, abrigados com a ONG Patinhas Unidas, conquistem atletas e público e tenham a chance de ganhar uma casa.

É a terceira edição da ação, que chama a atenção para a importância da adoção, independentemente da idade ou origem do animal.

Além do abandono, os “cãodulas” deste ano têm outro ponto em comum: adoram brincar com bolinhas, o que deixa a missão mais divertida para eles.

No ano passado, participaram do projeto animais das ONGs Projeto Segunda Chance e Cão Sem Dono. Apesar da repercussão, apenas um deles foi adotado em consequência do evento, conforme a PremieRpet, que lidera a iniciativa. Em 2016, os quatro cães que participaram conseguiram uma família.

CONHEÇA OS CÃODULAS

A ONG Patinhas Unidas abriga atualmente 60 cães e 14 gatos, em Jordanésia (SP).

Conheça abaixo cada um dos “cãodulas” deste ano, de acordo com informações da empresa de alimentos PremieRpet:

– Bobby – tem cinco anos e é dócil. Foi resgatado aos 45 dias de vida em uma rodovia.

– Duda – tem dois anos. É dócil, adora estar com pessoas. Foi resgatada recentemente, após ser amarrada no portão de uma clínica veterinária em uma noite de chuva.

– Gabriel – tem um ano e é um cão feliz, ativo e que adora correr. Aos sete meses foi entregue no abrigo pelo antigo dono, dentro de um saco de lixo.

– Mel – tem um ano, adora correr e brincar. Foi rejeitada pelos tutores e entregue no abrigo.

– Kika – tem cinco anos. Foi resgatada em uma ninhada de 13 filhotes doentes, em estrada movimentada. Dos 11 sobreviventes, apenas ela ainda aguarda adoção.

– Thor – tem cinco anos, é dócil e cheio de energia. Foi resgatado da rua aos dois meses, quando estava muito fraquinho.

QUER ADOTAR?

O Brasil Open de Tênis 2018 será realizado de 26 de fevereiro a 4 de março, no Ginásio do Ibiraquera, em São Paulo —veja informações sobre ingressos no site do torneio.

A participação dos animais está prevista para a tarde de 3 de março, um sábado, quando ocorrem as semifinais.

Quem quiser adotar algum dos cães participantes deve entrar em contato com a PremieRpet pelo telefone ‪0800-55-6666‬, de segunda à sexta,das ‪8h30‬ ‪às 17h30‬.