Fraudes no FGTS já atingem 5 milhões de pessoas


Golpe tem sido aplicado através do whatsapp.

Um golpe que teve início no whatsapp já atingiu pelo menos 5 milhões de pessoas beneficiarias do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – FGTS. A informação é da empresa Mobile Psaf.

O golpe consiste na divulgação de um link falso na rede social, as pessoas clicam e os dados são repassados a bandidos. Segundo informações, nem todas as pessoas que clicaram no link tiveram os dados roubados, ou dinheiro sacado. A fraude possibilita a pessoa a consultar se está apto a receber a quantia de R$ 1.760 do FGTS.

A CEF – Caixa Econômica Federal informa que quem clicou no link deve imediatamente procurar uma agência: “Mesmo se não foi roubado, para alterar a senha do Cartão Cidadão e evitar, assim, que os criminosos continuem com acesso à sua conta”, orienta Mário Avelino, presidente do Fundo Devido ao Trabalhador.