O que é Rinoplastia fechada


A rinoplastia pode ser classificada em rinoplastia fechada ou aberta. A rinoplastia fechada é um procedimento mais conservador que é realizada por meio de uma incisão na parte interna do dorso do nariz. Aliás, esta é considerada a principal diferença entre a técnica de rinoplastia aberta e a fechada.

A incisão interna pode ser feita em uma ou ambas as narinas. Através desta incisão, o cirurgião vai ter acesso a estrutura do nariz, ou seja, à cartilagem e aos ossos nasais.

Com o auxílio de pequenos instrumentos cirúrgicos, o cirurgião vai remodelando a estrutura do nariz, sua forma e ângulo, removendo ou acrescentando osso, cartilagem e tecido.

Os movimentos precisam ser delicados e precisos, pois na técnica fechada o cirurgião vai esculpir o nariz com pouca visualização do local.

Como na cirurgia fechada, o cirurgião tem um espaço limitado para trabalhar, dependendo da extensão da correção, não é possível utilizar a técnica. Por isso, o cirurgião é quem decide, após fazer uma avaliação presencial, qual a melhor técnica.

Entre as vantagens da rinoplastia fechada temos a rapidez do procedimento e do tempo de recuperação, isso devido ao menor inchaço no pós-operatório. Outra vantagem é o procedimento não resultar em cicatrizes visíveis.

O ponto negativo da rinoplastia fechada é a limitação de espaço e a pouca visibilidade da estrutura nasal. Isso incide na necessidade de ter um cirurgião plástico mais experiente.

Sobre o Dr. Roberto Oliveira:

– CRM-GO 10341

– Otorrino / Cirurgia Cérvico-Facial

– Membro da Associação Brasileira de Otorrinolaringologista e Cirurgia Cérvico Facial;

– Membro da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica e Reconstrutora da Face;

– Academia Brasileira de Estética;

– Membro da International Federation of Facial Plastic and Reconstructive Surgery Society.