Após Bolsonaro associar ONGs às queimadas, Neto fala em distinguir “boas e más” organizações


O prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto, disse que não há evidências de que ONGs são responsáveis por queimadas na Amazônia, mas pediu atenção à entidades que agem “politicamente”. “Algumas ONGs procuram, através de uma atuação disfarçada, agir politicamente”, declarou à imprensa, nesta quinta-feira (22).

A fala aparece após Neto ser questionado sobre a declaração do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que associou o aumento no número de queimadas na Amazônia às ONGs, numa suposta tentativa de prejudicar o governo. “Não posso acusar nenhuma ONG de nada, nós não temos elementos para isso, não sei se o presidente tem, eu, particularmente, não tenho”, disse, durante mais um dia de evento da Semana do Clima.

Na ocasião, o prefeito de Salvador também criticou a postura do governo Bolsonaro em relação à política externa. “Adianta o Brasil tá entrando em linha de enfrentamento com a Alemanha ou qualquer outro país europeu que invista no Fundo Amazônia? Não, claro que não. Esse é o meu pensamento”, afirmou.

Bnews