‘Preço do gás de cozinha vai cair pela metade em até dois anos’, diz Paulo Guedes


O preço do gás de cozinha vai cair pela metade em até dois anos, conforme anunciou nesta terça-feira (9) o ministro da Economia, Paulo Guedes.

A declaração ocorreu enquanto o ministro citava que era preciso derrubar o monopólio em todos os setores durante a XXII Marcha a Brasília e Defesa dos Municípios, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB).

Guedes também criticou a Petrobras por ser a única que controla o petróleo no Brasil e, mesmo assim, ter “quebrado” nos últimos anos. “Daqui a dois anos, o botijão de gás vai chegar pela metade do preço à casa do trabalhador brasileiro”, prometeu Guedes.

Os prefeitos e autoridades que estavam presentes aplaudiram o ministro. Guedes lembrou que o BTU — unidade de gás — custa US$ 12 dólares, valor superior a de outros países. “Nos Estados Unidos, custa US$ 3”, acrescentou.

“No Brasil é mais caro que nos países que não têm gás. Por quê? Porque tem monopólio. Vamos quebrar esses monopólios e vamos baixar o preço do gás e petróleo com a competição, fora a redução da roubalheira”, destacou.