‘No nosso palanque não cabe o MDB, não cabe ACM Neto’, diz Boulos em crítica ao PT


Em Salvador nesta sexta-feira (20), o candidato a presidência pelo PSOL, Guilherme Boulos, negou, em entrevista coletiva, possíveis alianças com o partido Democratas do prefeito ACM Neto e criticou Fernando Haddad (PT) por se unir com membros do MDB.

“É lamentável que não se aprenda com os erros do passado. Nós vimos a turma do PMDB, do Temer, dar um golpe no Brasil. É preciso aprender com isso. Nós vimos, novamente, a duas semana atrás, o Haddad ir lá no Ceará para tirar foto com Eunício (Oliveira), e ir pra Alagoas para tirar foto com o Renan (Calheiros). Isso só pode ser masoquismo. Não tem explicação uma coisa dessa”, disse Boulos.

“No nosso palanque, não cabe o PMDB, não cabe Sarney, não cabe ACM Neto. No nosso palanque não cabe quem são os responsáveis por esse estrago que está sendo feito no país”, completou.

Bahia.ba