Policial que atirou em manifestante em Presidente Tancredo Neves é lotado na 70ª CIPM – Ilhéus

Vítima gravou vídeo para falar do estado de saúde e disse que volta para o movimento mesmo na cadeira de rodas.


A tarde de quarta-feira (23), foi tensa nas proximidades do município de Presidente Tancredo Neves, no baixo Sul do estado, durante todo o dia, caminhoneiros, manifestaram pela redução no preço dos combustíveis, mas em determinado momento uma viatura da Polícia Militar na tentativa de passar pelo bloqueio acabou provocando uma confusão generalizada.

A paralisação ocorria na rodovia Mário Covas – BR-101, e dois tiros chegaram a ser deflagrados por um policial, que ainda não foi identificado ou se pronunciou sobre a ocorrência, um dos disparos atingiu a perna de um homem identificado somente pelo prenome Ronaldinho.

Nas imagens postadas em grupos do WhatsApp é possível ver o PM apontando uma arma para o manifestante antes de objetos, não identificados serem arremessados, acontece o primeiro tiro, e após passagem pelo bloqueio, o segundo.

A vítima foi socorrida por populares para o hospital do município e se pronunciou através de um vídeo, postado nas redes sociais.

O policial é lotado na 70ª CIPM – Ilhéus, um veículo pertencente ao governo do estado da Bahia acabou sendo incendiado.

A Companhia informou a Rede Bahia que vai instaurar inquérito para apurar o caso.