Delegada de Mutuípe diz que adotará todas as medidas cabíveis para prender suspeito de atirar na professora Kêda

Casal estava em processo de separação.


(Foto: Reprodução/Facebook)

A delegada Polícia Civil de Mutuípe, Corina Lopes de Oliveira informou em entrevista ao G1, que todas as medidas cabíveis para encontrar e prender Marcelo estão sendo tomadas. Quem tiver informações do paradeiro dele, pode entrar em contato com a delegacia da cidade, através do telefone (75) 3635-2181.

Marcelo é suspeito de atirar na professora Rosicleide de Jesus Sousa, Kêda, 40 anos no último sábado (19), na região da Baixa Alegre, zona rural de Mutuípe.

A vítima estava em processo de separação do esposo Marcelo, e tem com ele dois filhos, um deles inclusive, presenciou o crime.

Kêda está internada na UTI – Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, ela passou por cirurgia e o estado é considerado grave. Veja mais aqui.

Amigos e familiares clamam por justiça.