PF cumpre mandados em endereços ligados a Fernando Pimentel


PF investiga desvios que podem chegar a R$ 3 mi.

A Polícia Federal esteve na manhã desta segunda-feira (12), em endereços do ex-governador de Minas Gerais, Fernando Pimental, do PT.

Segundo informações da PF, a Operação Monograma apura crimes eleitorais e lavagem de dinheiro, dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos.

A suspeita é que empresas de consultoria tenham simulado a prestação de serviços para o recebimento de vantagens ilícitas em montante superior a R$ 3 milhões.

Em nota ao G1 a defesa de Pimentel disse estranhar a operação e aponta excessos.