Marido de ex-secretária de saúde de Mutuípe fala em compra de vereadores em grupo do WhatsApp

Data da eleição para a mesa diretora ainda não foi definida.


Uma mensagem postada por William Elesbão, marido da ex-secretária de saúde de Mutuípe, Jacklene Mirne (PT), (atual secretária de saúde do município de Santa Bárbara), dá a entender que houve, compra de vereadores na última eleição da mesa diretora da câmara.

A publicação foi feita num grupo de WhatsApp e diz o seguinte: “Bom dia! Pra fazer toda diferença e mudanças, para uma Câmara Independente, chega de gasta nosso dinheiro atoa, dessa vez não vai ter venda de peixe ou seja “compras de canidatos” essa chapa está firme e forte rumo a presidência da Câmara grandes guerreiros vereadores Índio Josafá, Néia, Leck, Margarida, Adémario, Gil e Júnior Cardoso! Uma Câmara Independente!👏👏👏” Disse William.

O atual presidente da Câmara é o vereador Justiniano Faustino (Amigo) do PSB e foi eleito em 2017 com os votos de Val da D10 (PT), Lek (PRB), Margarida (PROS), Índio Josafá (PDT), Ademário (PPS), Didi Mocó (DEM), Vando de João das Neves (PMDB) e o próprio voto.

Quatro dos vereadores que apoiam a pré-candidatura de Índio Josafá, apoiaram Amigo em 2017, William não revelou quem foram os comprados, mas a revelação é digna de representação ao Ministério Público, e denuncia a Polícia Federal, já que ele é contundente ao dizer que houve compra.

Em um ano e meio à frente do legislativo o atual presidente comprou um veículo e devolveu recursos a prefeitura no fim de 2017.