As misteriosas estruturas de pedra encontradas com Google Earth na Arábia Saudita


As maiores tem o comprimento de um campo de futebol.

Cerca de 400 misteriosas estruturas de pedras foram descobertas no deserto na Arábia Saudita por meio de imagens de satélite do Google Earth. Arqueólogos dizem que elas podem ter entre 2 mil e 9 mil anos.

As estruturas são artificiais e tudo indica que foram construídas por tribos nômades — elas são parecidas a outras do tipo no Oriente Médio. Foram encontradas por meio no centro-oeste do país, em uma região chamada Harrat Khaybar.

As pedras foram apelidadas de “portas”, porque, vistas horizontalmente, elas têm a aparência de uma cerca com postes colocados em cada um dos lados, conectados por uma barra — o que parece indicar uma espécie de ponto de acesso.

Além da idade incerta, não se sabe exatamente qual seria a função das estruturas.

“No deserto da Arábia Saudita existe um tesouro arqueológico imenso que necessita ser mapeado e identificado”, explicou ao jornal “The New York Times”, David Kennedy, arqueólogo da Universidade Ocidental da Austrália Ocidental e principal autor de um estudo sobre o local. A pesquisa será publicada na próxima edição da revista “Arabian Archaeology and Epigraphy”.

“Do solo não é possível observá-las muito bem, mas de um satélite elas se destacam maravilhosamente”, diz Kennedy. Ele acredita que as estruturas podem ser as mais antigas em campo aberto no mundo.

(Foto: Google Earth/Reprodução)

Paisagem sombria

As pedras estão em um sombrio campo de lava, com água e vegetação escassas. Não obstante, Kennedy diz que, antigamente, essa região tinha clima e vegetações diferentes. Ela também era mais habitada do que atualmente.

Muitas das portas encontradas estão nas encostas de uma cúpula vulcânica que já teve lava. Porém, algumas das portas têm restos de lava basáltica, ou seja, um material anterior a erupções.

As paredes dessas formações, que têm forma retangular, são baixas. A menor “porta” se estende por cerca de 13 metros, enquanto as maiores chegam a ter o comprimento de um campo de futebol.

Função desconhecida

(Foto: Google Earth/Reprodução)

Outros tipos de estruturas já foram encontrados no deserto da Arábia Saudita. A mais conhecida é uma em formado de pipa (ou de um cometa), que inclui uma espécie de cauda. Arqueólogos acreditam que ela servia para caçar animais. Especula-se que essa “cauda” era usada para guiar os animais.

Embora a função das “portas”, agora descobertas por satélite, seja desconhecida, Kennedy descartou que eles haviam sido usadas como moradias, cemitérios ou armadilhas de caça. G1.