Com cerca de 2 mil habitantes Serra Grande ainda não tem cobertura de telefonia celular


Moradores sonham que o novo gestor Ricardo Moura (PMDB) e os vereadores eleitos na comunidade, possam transformar o sonho em realidade.

Uma localidade com cerca de 2 mil habitantes ainda vive sem telefonia celular,  o que causa maior revolta nos moradores é que a poucos quilômetros, na localidade de Água Mineral às margens da BR-101 tem! E lá nem moram tantas pessoas, estamos falando do povoado de Serra Grande, pertencente ao município de Valença, que sofre sem telefonia celular em plena era digital.

Os moradores da localidade que possuem celular ou usam o fraco sinal de Mutuípe que cobre alguns locais, ou usam antenas.

Em 2016, dois representes de Serra Grande chegaram à câmara municipal e o que se espera é que os dois debrucem os seus mandatos na causa e possam transformar o sonho em realidade.

Em 2013 o deputado Coronel Gilberto Santana (PTN), encaminhou indicação ao então Governador Jaques Wagner pedindo a instalação de torre de telefonia móvel no povoado. A necessidade também foi apresentada pelo Deputado Amauri Teixeira (PT) ao Ministério das Comunicações em duas oportunidades em fevereiro de 2013 e no mesmo mês no ano seguinte. Em maio de 2014 o Deputado Rosemberg Pinto do PT também entrou na briga por uma torre de telefonia para Serra Grande, na época ele se reuniu com um representante da operadora Claro, porém até o momento a força política empregada na causa não foi suficiente para atender ao anseio dos moradores da localidade.