Caso Fagner seja escalado, Flamengo pretende denunciar Corinthians


O Flamengo pretende denunciar o Corinthians, caso o técnico Jair Ventura escale o lateral-direito Fagner para o jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil. O jogador foi desconvocado da Seleção Brasileira por conta de uma lesão, entretanto, ele se recuperou e está liberado para o confronto.

De acordo com o GloboEsporte.com, o artigo 5, do capítulo sobre Restrições em Jogos, do Regulamento de Status e Transferências da Fifa prevê que o atleta não está “habilitado a atuar” pelo período de cinco dias após o último compromisso de sua seleção no período, em casos de recusa. Entretanto, o clube carioca trabalha com a hipótese de que há problemas na escalação de Fagner.

O advogado especialista em direito internacional, Eduardo Carlezzo, afirmou que o Flamengo teria que denunciar a possível escalação irregular para a Comissão Disciplinar da Fifa. Segundo ele, os tribunais brasileiros diriam que não tem competência para isso.

“Esse assunto recai exclusivamente na competência da Comissão Disciplinar da Fifa. O Corinthians estaria descumprindo um regulamento da Fifa. Portanto, o protocolo é fazer uma denúncia à Comissão Disciplinar da Fifa. Caso a denúncia seja feita ao STJD, dificilmente o órgão no Brasil se dirá competente para analisar a questão”, afirmou Carlezzo ao programa Redação SporTV.

Como o que consta na Fifa vale apenas para  jogadores que se recusaram a jogar por suas seleções, o advogado afirma que o Rubro-Negro teria que provar que a lesão do atleta não era tão grave.

“O que o Flamengo pode alegar é que a lesão não era tão grave. Teria que fazer produção de prova mais técnica, prova médica, para mostrar que, na realidade, o laudo estava incompleto. Que realmente superestimou a lesão com finalidade de liberá-lo para jogar. Vai depender de o Flamengo produzir esse laudo. Mas é uma prova difícil de obter, visto que o Fagner é um jogador do Corinthians”, concluiu.

BN