Juliana Paes processa loja por tapete de R$ 27 mil e pede indenização


Juliana Paes entrou com um processo no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por conta de problemas que teve na compra de um tapete. A atriz processa a empresa de Spiros por danos materiais e morais por conta de um tapete que ela comprou no valor de R$ 27 mil.

A ação será julgada pela 7ª Vara Cível da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Segundo Juliana, além de o tapete ter sido entregue com atraso, ainda veio em cores diferentes das encomendadas e apresentava problemas como manchas e falta de acabamento.

 

Além de requisitar a devolução integral do valor pago, a atriz também pede mais R$ 10 mil por danos morais.

Procurados pelo UOL, os advogados de Juliana não responderam à reportagem até a publicação deste texto.

Folhapress.