“Somente quem ficou com ele em 2018, quer Carlinhos candidato em 2020”, diz vereador


Um vereador que faz oposição a atual administração de Mutuípe, conversou na noite de véspera de Natal, (24), com um repórter do Mídia Bahia e comentou sobre a sucessão 2020, segundo ele, que pediu para não ser identificado, uma parcela do grupo de oposição defende a manutenção do nome de Carlinhos como adversário de Digão nas próximas eleições.

Segundo a fonte, essa parcela é justamente os que seguiram com ele nas eleições 2018 apoiando Nelson Pelegrino (PT) e Maria Del Carmem, do mesmo partido.

O pleito presidencial marcou a divisão do grupo petista na cidade, se fragmentando entre diversos deputados, ainda de acordo com as afirmações uma ex-secretária diz que o tempo de Carlinhos passou, essa mesma afirmação teria sido feita por outro militante meses atrás durante uma plenário num sindicato.

Ainda nesta semana que antecedeu o Natal, um apoiador do ex-prefeito disse a nossa reportagem que se Carlinhos conseguir se articular e torna-se o candidato perderá feio mais uma vez para o atual prefeito.

Carlinhos diz nos corredores da Assembleia Legislativa do estado da Bahia e do CAB – Centro Administrativo que voltará a governar Mutuípe.

Recentemente em reuniões ele definiu que o candidato do grupo será decidido através de pesquisa de opinião popular, o que por certo lhe favorecerá pelo grande conhecimento popular, eliminando numa só tacada diversos nomes.

O ex-gestor parece estar experimentando a rebeldia de diversos integrantes de seu grupo político, que ao deixar o poder no fim de 2016 e a derrota sofrida na urnas, passaram a contestar o ex-mandatário, a duvida é se esses contrários ao nome de Carlinhos de fato tem coragem de enfrentá-lo, ou quando ele vencer a pesquisa, baterão palma e entrarão em campo para tentar ganhar a eleição.