Apreensão dos R$ 51 milhões será retratada em continuação de filme sobre a Lava Jato


O ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso em Brasília desde o final de 2017, será retratado na sequência do filme “Polícia Federal: A Lei é para Todos”, cujas gravações iniciam neste segundo semestre.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, a nova produção mostrará o andamento da Lava Jato, após a condução coercitiva do ex-presidente Lula, e o aprofundamento da operação em Brasília, saindo do foco de Curitiba.

Uma das cenas presentes no roteiro é justamente a apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento em Salvador. O dinheiro é atribuído a Geddel e seria resultado de propina. O filme só deve ser lançado no segundo semestre de 2020.

Bahia.ba