PDT decide fechar questão contra reforma da Previdência


O PDT decidiu fechar questão contra a reforma da Previdência encaminhada pelo governo de Jair Bolsonaro ao Congresso Nacional. A definição aconteceu nesta segunda-feira (28) durante convenção nacional do partido em Brasília.

A sigla possui 28 deputados e quatro senadores. Ela avalia que é necessário marcar posição no que chamou de “luta contra os retrocessos”, de acordo com o site Valor Econômico. O Palácio do Planalto esperava conseguir ter o apoio do PDT para ter votos de outros partidos da oposição mais facilmente.

Candidato à Presidência da República em 2018, Ciro Gomes não esteve presente na reunião em Brasília, mas enviou um vídeo dizendo que a reforma de Bolsonaro tem “perversidades tremendas”. Senadores e deputados do PDT que votem a favor do projeto podem ser punidos internamente.

BN