Benito Gama é alvo de operação da Polícia Federal


O deputado federal Benito Gama (PTB), candidato derrotado à reeleição, é alvo da Operação Ross, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (11).

A deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) e os senadores Antonio Anastasia (PSDB-MG) e Agripino Maia (DEM-RN) também são investigados.

Segundo informações da Globo News, há mandados de busca e apreensão apenas contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), Andréa Neves, sua irmã, e o deputado federal Paulinho da Força (SD-SP). Agentes da PF tiveram em imóveis ligados a eles no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Não há ordem de prisão.

A medida foi autorizada pelo ministro Marco Aurélio Mello, do STF, instância onde ocorre a investigação sobre políticos com prerrogativa de foro.

A operação é um desdobramento das delações de Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS.  Ainda de acordo com a Globo News, há a suspeita de compra de apoio de partidos por Aécio. Somente o Solidariedade, de Paulinho da Força, teria recebido R$ 15 milhões, em um esquema de caixa dois que envolve empresários.

Bahia.ba