Ministério de Bolsonaro poderá ter gays, negros e mulheres


Bolsonaro surpreendeu em suas declaração, nesta quinta-feira (11),durante entrevista a rádio CBN, o candidato do PSL disse que, poder ter em seu ministério “gays, mulheres e afrodescendentes”. A resposta dele veio após ser questionado sobre a participação feminina em cargos do executivo em eventual governo.

O candidato confirmou que um homem comandará o Ministério da Defesa e deixou aberto as outras pastas.

Apensar das afirmações ele já confirmou três possíveis nomes de seu governo, Onyx Lorenzoni (DEM-SP) para a Casa Civil, Paulo Guedes para a Fazenda e Planejamento e General Augusto Heleno para a Defesa