Bolsonaro lidera entre as mulheres, diz Datafolha


Foto: reprodução G1

O presidenciável Jair Bolsonaro chegou ao segundo turno com 46% dos votos, bastante atacado principalmente pelo PSDB que dispunha da maioria do tempo de propaganda eleitoral no rádio e na TV, no primeiro turno, a estratégia não deu certo e seu eleitorado pareceu pouco se importar com o que era dito.

Desde que iniciou a campanha eleitoral, as polêmicas bolsonaristas foram expostas para a população, a exemplo: afirmações preconceituosas, racistas, e de diminuição da mulher, trocando em miúdos: machismo.

Nesta quarta-feira (10), o instituto Datafolha, divulgou pesquisas mostrando como está o atual momento neste segundo turno, e disse que 58% da população prefere Bolsonaro a Haddad que tem 42%

O candidato do PSL lidera em todas as regiões com exceção do Nordeste, onde tem 32% e seu adversário 52%. Entre as mulheres Bolsonaro tem 42%, Haddad 39%. Entre os negros ele está em desvantagem para Haddad 34% a 42%, entre os que tem renda de até dois salários mínimos Bolsonaro tem 38%, Haddad 44%.

Apesar da liderança de Bolsonaro no caso das mulheres, os dois estão tecnicamente empatados dentro da margem de erro, que é de dois pontos para mais ou para menos, a pesquisa está registrada no TSE.