8 efeitos graves do fast food para a saúde que você desconhece


Muitas pessoas acreditam que o fast food na realidade não faz mal e pode ser consumido de vez em quando. Apesar de muitos especialistas alertarem para os malefícios deste tipo de comida, não são raros os casos de pais que levam os filhos para comer sempre a comida preparada rapidamente.

 

O médico Juliano Pimentel, autor do livro “Viva Melhor Sem Glúten”, é um dos que alertam sobre os efeitos do fast food na alimentação. Ele listou oito malefícios que nem todo mundo sabe que os fast foods causam na alimentação. Confira:

1. Carne Adulterada

As carnes usadas pelas cadeias de comida rápida não são boas para consumo, afirma o médico. Ainda segundo ele, o frango possui 25% a menos de proteína do que a galinha caseira e entre sete a 10 vezes mais sódio do que o frango normal. Isso para nem começar a falar dos nuggets, que são compostos principalmente por gordura, juntamente com alguns ossos, nervos e tecido conjuntivo.

2. Antibióticos

A maioria das carnes de fast food apresenta níveis altos de antibióticos.

3. Câncer

Batatas-fritas de fast food são repletos de gordura saturada e aumentam o risco de causar câncer.

4. Embalagens

Um estudo recente publicado na revista Environmental Science & Technology Letters aponta que as embalagens de fast food contém muitas substâncias químicas nocivas à saúde, como o polifluoroalquilo.

5. Adoçantes

Xarope de milho e os adoçantes naturais são muito usados pela indústria de fast food nos pães, carnes e até molhos de saladas. O xarope agrava problemas como obesidade, diabetes, hipertensão e doença cardíaca crônica; já os adoçantes como aspartame, sucralose e sacarina podem causar aumento de peso, dores de cabeça, diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares.

6. Molhos

Se você já comeu fast food e sentiu dores de cabeça, saiba que o efeito foi causado pelo MSG (glutamato monossódico), muito comum em comidas chinesas. Adicionado para melhorar o sabor, o MSG deve ser evitado, segundo o médico, e seus efeitos incluem dores de cabeça, náuseas, fraqueza, dificuldade para respirar, alterações do ritmo cardíaco e até queimação.

7. Corantes e conservantes

O fast food possui muitos corantes e conservantes, que possuem diversos efeitos nocivos à saúde, como hiperatividade (TDAH) em crianças.

8. Óleos inflamatórios

Como são baratos, as cadeias de fast food usam óleos inflamatórios, como canola parcialmente hidrogenado, para fazer suas preparações. Óleo de milho e de soja também possuem ingredientes geneticamente modificados e são altamente refinados.