Ramiro Campelo é liberado no Espírito Santo


O ex-prefeito de Valença e fundador do grupo de lojas Guaibim Ramiro Campelo de Queiroz, foi liberado nesta segunda-feira (12), 25 dias após ter sido sequestrado no mês de janeiro.

Segundo site Ipolítica, o empresário foi solto no estado do Espírito Santo. Ainda não foram reveladas informações sobre as negociações. Pela manhã esse informação havia sido divulgada, mas a família contestou, no período da tarde o site Agora Valença acabou por confirmar a veracidade das informações.

O estado de saúde dele ainda é desconhecido.

Veja detalhes do sequestro de Ramiro.

Segundo informações, a polícia local não foi envolvida no caso, ficando as investigações, a cargo do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado. O delegado titular da 5ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), José Raimundo Nery, mobiliou equipes para investigar o desparecimento, mas não deu detalhes sobre avanços nas investigações.

Ramiro foi levado por três homens em um veículo HB20, na manhã de quinta-feira (veja aqui). Antes de levá-lo os sequestradores permitiram que ele pegasse os medicamentos de uso controlado.

Ainda na tarde de quinta-feira (18), a informação de que o regaste teria sido pedido a família foi amplamente divulgado por diversos veículos de comunicação, mas até o momento a família não confirmou de forma oficial, nem revelou o montante pedido.

Há 20 anos o filho de “Tio Ramiro” como é conhecido, o Márcio Queiroz, também foi sequestrado.

Em 2000 o empresário foi eleito prefeito pelo extinto PFL, em 2008 foi reconduzido ao cargo de gestor do importante município da Costa do Dendê.