Salários seguem atrasados no Hospital de Mutuípe, direção nega, funcionários contestam


Direção do hospital nega que salários estejam atrasados há dois meses.

Os salários dos funcionários do Hospital e Maternidade Clélia Chaves Rebouças – HCCR em Mutuípe, seguem atrasados, aos 17 dias de Janeiros os trabalhadores do local, já não sabem a quem recorrer, pois não existe previsão de pagamento.

Segundo informações, os vencimentos de novembro e dezembro estão sem pagamentos. Há 10 dias a situação foi denunciada pelo Mídia Bahia, na data o repórter Gil Rocha entrou em contato com a unidade, mas ouviu a negativa quanto a atrasos, segundo Fabiano Anselmo somente o mês de dezembro estava sem pagar, mas que a situação se resolveria nos próximos dias, os funcionários contestam.

Quando denunciado em no início de dezembro, a imprensa de Santo Antônio de Jesus, chegou falar com direção da unidade, que negou atrasos e ainda ameaçou processar quem disse o contrário.

O que motiva os atrasos é de desconhecimento de quem trabalha no local bem como a população mutuipense.

O HCCR é uma instituição filantrópica, sobrevive com repasses fruto de pactuação com a SESAB – Secretaria de Saúde do Estado da Bahia.