Eduardo Cunha é eleito líder do PMDB na Câmara dos Deputados

O deputado Eduardo Cunha (RJ) foi escolhido neste domingo (3) como líder do PMDB na Câmara. Ele vai substituir Henrique Eduardo Alves (RN), candidato à presidência da Casa. Cunha disputou a liderança com Sandro Mabel (GO) e Osmar Terra (RS). Ele foi eleito somente no segundo turno, com 46 votos, na disputa com Mabel – que … Leia Mais


Renan Calheiros é novo presidente do Senado

Após polêmicas e protestos contra sua candidatura, Renan Calheiros foi eleito o novo presidente do Senado brasileiro, nesta sexta-feira (1º). Com 56 votos a seu favor, o senador do PMDB derrotou Pedro Taques (PDT-MT), opção escolhida por 18 integrantes da Casa. Foram registrados ainda dois votos brancos e dois nulos, além de três abstenções. Em … Leia Mais



Presidente da UPB comete outra gafe em Brasília: “Governador Caetano”

A prefeita de Cardeal da Silva, a simpática Mária Quitéria (PSB), eleita recentemente presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), está prestes a se transformar na rainha das gafes da política baiana. Depois de ter grafado a palavra royalties como “hoyts” numa faixa afixada num evento em Brasília que negou ter sido mandada produzir … Leia Mais



Lula planeja PSB na vice de Dilma em 2014, diz Folha


IMAGEM_NOTICIA_5 (1)O ex-presidente Lula voltou a falar, em conversar com interlocutores, em um antigo projeto: colocar o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), como vice de Dilma Rousseff nas eleições de 2014. Segundo a Folha, o plano passaria pela desistência do PT em disputar o governo de São Paulo para apoiar o peemedebista Gabriel Chalita, candidato derrotado à prefeitura paulistana em 2012. Em troca, o PMDB, que ocupa atualmente a vice-presidência da República, deixaria o posto livre. No entanto, o arranjo ainda não foi conversado com Michel Temer e a ideia deve encontrar resistências, tanto de petistas quanto de peemedebistas. De acordo com a Folha, o tema foi abordado por Lula pela primeira vez em novembro do ano passado. “Tenho planos para você”, teria dito o ex-presidente a Chalita.


Lula vira ‘ministro da Articulação Política’ no Palácio do Planalto, diz jornal


listas_posts_62352_jpg_200_200_2_0__jpgO ex-presidente Lula ganhou um apelido no Palácio do Planalto devido às suas funções mais recentes, de acordo com a coluna Panorama Político, do jornal O Globo. Segundo a publicação, ele tem sido chamado de ministro da Articulação Política. O petista teria sido designado pela presidente Dilma Rousseff a negociar as alianças com os partidos para as eleições de 2014. ( Bahia Notícias)


Lula vira ‘ministro da Articulação Política’ no Palácio do Planalto, diz jornal


LULA - CABELO BRANCOO ex-presidente Lula ganhou um apelido no Palácio do Planalto devido às suas funções mais recentes, de acordo com a coluna Panorama Político, do jornal O Globo. Segundo a publicação, ele tem sido chamado de ministro da Articulação Política. O petista teria sido designado pela presidente Dilma Rousseff a negociar as alianças com os partidos para as eleições de 2014.


Carlinhos de Mutuípe ocupa cargo de Assessor Especial na UPB


Carlinhos-de-Mutuipe-13-333O ano de 2013 começou bem para os representantes políticos do Vale do Jiquiriçá que tem dois representantes na UPB – União dos Municípios da Bahia, instituição que elegeu na semana passada elegeu Maria Quitéria como presidente.

 

Os prefeitos de Lafaiete Coutinho Zenildo Brandão do PP e Carlinhos do PT de Mutuípe integraram a chapa vitoriosa encabeçada pela prefeita de Cardeal da Silva, Maria Quitéria do PSB.

 

Carlinhos desenvolverá o cargo de Assessor direto da entidade, cargos que antes eram ocupados pelos ex-prefeitos de Maracás Nelson Portela do PT e Zeca Braga do PSD de Planaltino.

 

Quitéria se elegeu também com o apoio do Mercovale – Associação dos Prefeitos do Vale do Jiquiriçá que tem como presidente Paulo dos Anjos do PT de Maracás. (Criativa On Line)


Kassab: Candidatura de Otto depende de aliança; Araújo não deve disputar Mesa


OTTO ALENCAR & KASSABEm rápida passagem por Salvador, neste sábado (26), o ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD, se encontrou com os seus liderados e chancelou o nome do vice-governador Otto Alencar como indicado do partido para a chapa majoritária que concorrerá em 2014. Em entrevista ao Bahia Notícias, o dirigente descreveu o que foi discutido na reunião. “Uma questão importante foi a formalização das consultas com vista às eleições de 2014. A Bahia vai estar apresentando na executiva nacional o que é o partido no estado e qual é a sua posição em relação à eleição presidencial. É uma forma de realçar o protagonismo e a importância da Bahia dentro do partido”, pontuou Kassab. Se para o pleito presidencial ainda há indefinição quanto ao lado em que a sigla estará, o posicionamento está definido em relação à sucessão do governador Jaques Wagner. “Otto é o nome que o partido quer colocar à disposição da chapa, mas a candidatura dele só existirá em comum acordo. Nós temos uma aliança consolidada na Bahia, com o PT e outros partidos, e [em 2014] três cargos majoritários vão estar em jogo [governador, vice e senador]. Na hora propícia, a aliança vai decidir em qual posição Otto estará escalado”, declarou. Já o deputado federal José Carlos Araújo, único candidato baiano na disputa pelos cargos da Mesa Diretora da Câmara, está praticamente fora do páreo. “O nome do PSD para a Mesa é o de Fábio Faria (RN), definido em votação secreta. O Zé Carlos aspirou e tem o direito de ir a plenário, mas vamos tentar evitar isso. Ele é um deputado experiente e acho que tem diversas outras formas de dar a sua contribuição”, revelou. Gilberto Kassab também esteve com Wagner, mas, segundo ele, a pauta “eleições” ficou de fora das conversas. “Foi uma visita de retribuição. Quando ele esteve em São Paulo jantou lá em casa com a sua esposa [Fátima Mendonça]. Sempre que venho à Bahia eu o encontro. Ele foi importante na formação do partido”, pontuou.