‘#LulaTaPresoBabaca’ nomeia rede wi-fi em evento de Eduardo Bolsonaro

Mesmo preso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é lembrado pelo grupo de oposição, do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), até mesmo na criação das senhas de wi-fi. Na Cúpula Conservadora das Américas, organizada neste sábado (8), em Foz do Iguaçu (PR), por um dos filhos de Bolsonaro, o deputado federal Eduardo Bolsonaro … Leia Mais



Carga de 37 toneladas de soja é recuperada na cidade de Santo Amaro

A Polícia Militar recuperou nesta sexta-feira (7) uma carga de 37 toneladas de soja que era transportada em um caminhão na cidade de Santo Amaro. Ela foi encontrada em outro veículo, um bitrem, que serviria de reboque. Um homem foi preso durante a ação. A 20ª Companhia Independente da Polícia Militar foi alertada após o … Leia Mais


TCM aprova com ressalvas as contas da Prefeitura de Laje exercício 2017,Prefeito terá que fazer ressarcimento e pagará multas


As contas da Prefeitura da Cidade de Laje, exercício 2017, foram aprovadas com ressalvas pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia. A Publicação foi feita no site institucional do TCM quarta- feira (05/12).

Segundo o TCM, o Sr. Kledson Duarte Mota, Prefeito Municipal de Laje, pagará uma multa no valor de R$5.000,00 (cinco mil reais), em decorrência da extrapolação do limite das despesas com pessoal, que no exercício em exame atingiu o correspondente a 56,79% da Receita Corrente Liquida do período, em flagrante desrespeito ao determinado pelo art. 20, III, da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Na deliberação de imputação de debito, foi aplicado ao Gestor multa no valor de R$50.400,00, correspondente a 30% de sua remuneração anual, em virtude de não ter promovido, na forma e nos prazos da lei, a execução de medida para a redução das despesas com pessoal.

Ainda caberá ao Prefeito de Laje, a realização de ressarcimento aos cofres públicos municipais, com recursos pessoais, do montante de R$146,818,43, sendo; R$118.813,93 decorrente de diferença verificada entre o saldo financeiro do exercício anterior constante no Balanço Patrimonial com relação ao Balanço Financeiro; e R$28.004,50 oriundo da diferença entre o valor apontado no termo de conferência de caixa e banco, lavrado pela comissão designada pelo próprio Gestor, com relação ao valor contabilizado no Balanço Patrimonial/2017.

Valemaisnoticias


Menino perde ônibus, pega carona com PMs e assusta a mãe em SP


O estudante Matheus, de 13 anos, perdeu o ônibus em Guarujá, no litoral paulista, e acabou ganhando uma carona da polícia. Até entender o que tinha acontecido, a mãe do garoto, Joseane Amâncio Barbosa, de 34 anos, ficou apavorada ao ver o filho na viatura.

Como relata o ‘G1’, Matheus aguardava o ônibus sozinho em um ponto na Avenida Tancredo Neves, no bairro Cachoeira. Ele precisava apanhar a linha 53 para ir ao treino futsal na tarde da última quinta-feira (6). Ele conta que deu sinal para o ônibus, mas o condutor não parou.

 

“Eu e meu colega estávamos retornando de uma ocorrência no bairro e nossa viatura seguia logo atrás do ônibus. Vimos tudo. Ele estava sozinho, pediu parada, e o motorista seguiu. Decidimos parar para ver com o menino o que, de fato, tinha acontecido”, contou ao site o policial Joel Batista Ramos, o cabo Ramos.

 

O menino disse aos agentes que teria de voltar para a casa, pois não daria tempo de pegar o próximo transporte. Foi quando os PMs decidiram dar a carona.

“Seguíamos em patrulhamento para a mesma região, então nós decidimos levá-lo até o campinho para ele não perder o treino. No caminho, Matheus contou que tem o desejo de ser jogador de futebol, que cursa o 8º ano da escola e que está com boas notas. Pareceu bastante feliz de estar ali com a gente”, disse o cabo.

No caminho, o próprio PM compartilhou na rede social uma foto em que o menino aparece no banco traseiro da viatura. A postagem viralizou rapidamente e chegou à mãe do menino. “Quando eu vi, levei um grande susto. Não entendi nada, mas me acalmei ao ler a legenda da imagem”, revelou Joseane.

“Em meio a tanta coisa ruim que a gente vê, é tão legal encontrar algo desse tipo, não é? Ainda mais com o meu filho. Eu não consegui falar com ele na hora, pois já estava no treino, mas quando voltou para casa, nós conversamos e ele me disse ter ficado feliz”, falou a mãe.

O menino contou ao site que a experiência pode tê-lo feito mudar os planos: “Eles me perguntaram e eu disse para onde eu estava indo. Daí, eles falaram que poderiam me levar. Eu aceitei. Quero ser jogador de futebol, sim, mas agora já pensei em ser policial”.

Cabo Ramos se disse surpreso com a repercussão do caso. “Não estamos nas ruas para apenas combater a criminalidade. Estamos, também, para ajudar as pessoas naquilo que precisem. E isso não foi apenas uma gentileza. É gratidão poder ajudar. Eu não aceito injustiça e não foi justo o motorista não ter parado para o Matheus, seja lá qual for o motivo”.

Segundo nota da Prefeitura de Guarujá, a empresa de ônibus sequer foi notificada, pois, até este sábado (8), não houve denúncia.

Noticiasaominuto


Dez mulheres relatam abusos sexuais do médium João de Deus


Dez mulheres afirmam ter sofrido abusos sexuais do médium João de Deus, conhecido curador espiritual que fez consultas aos ex-presidentes Lula e Dilma Roussef, além Bill Clinton, Hugo Chávez e outras personalidades.

Os casos foram revelados no programa “Conversa com Bial” desta sexta-feira (7), na Rede Globo. As supostas vítimas alegam que os atos teriam sido cometidos durante atendimento espiritual na Casa Dom Inácio de Loyola, fundada e liderada por João de Deus. Por meio de nota, a assessoria do curador informou que “rechaça veemente qualquer prática imprópria em seus atendimentos”.

A coreógrafa holandesa Zahira Leeneke foi a única mulher a aceitar ser identificada. Ela buscou a Casa em 2014, para buscar o tratamento espiritual para traumas causados por abuso sexual sofrido no passado. De acordo com o G1, todas as outras vítimas são brasileiras e se negaram a mostrar o rosto, por medo ou vergonha.

“Pegava na minha mão para eu pegar no pênis dele. (…) Ele falava: ‘Põe a mão, isso é limpeza. Você precisa dessa limpeza, é o único jeito de fazer isso’”, disse uma das mulheres que procurou o médium.

Os relatos apontam uma similaridade entre os casos. Durante os atendimentos espirituais, João de Deus dizias para as mulheres o procurarem depois em sua sala, porque haviam sido escolhidas para receber a cura. Uma vez sozinhas, as entrevistadas dizem que eram violentadas sexualmente.

João Teixeira de Faria é um médium brasileiro conhecido em todo o mundo como João de Deus. Desde 1976 ele faz atendimentos espirituais na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, Goiás.

A Casa recebe até 10 mil pessoas por mês para atendimentos, boa parte delas estrangeiras. Os relatos de cirurgias espirituais de cura se espalharam pelo mundo e personalidades como a apresentadora americana Oprah Winfrey chegaram a visitar o local.

Bahia.ba


Crise obriga venezuelanos a enterrar parentes em casa


Reflexos da crise humanitária em que está mergulhada a Venezuela são sentidos até na hora de os venezuelanos enterrarem os parentes.

“Levei cinco dias para juntar dinheiro para recolher o corpo do meu pai do necrotério, outros sete para achar um espaço no cemitério. Quando não tinha mais como pedir dinheiro a parentes e amigos para mais nada, decidi que faríamos, com meus irmãos, um caixão com cartolina. Mas foi tudo com muito amor e oração, sei que ele agora finalmente está em paz.”

O relato comovido de Willy Olmedo, 25, do município de Sucre, na região metropolitana de Caracas, à Folha de S.Paulo, resume alguns desses percalços.

“Aqui mesmo já vi alguns sendo enterrados em lençóis, coisa que só tinha escutado que estava acontecendo no interior, agora chegou aos subúrbios de Caracas”, diz.

Se entre os estratos mais pobres da população falta dinheiro para tirar o corpo de um necrotério público – trâmite antes gratuito, mas hoje sujeito à cobrança de subornos -, conseguir espaço num cemitério e até comprar um caixão simples, entre os de classe média ou mais endinheirados o problema passa também por outros procedimentos, como cremar ou embalsamar. Muito comum também se tornaram as profanações de sepulturas, atrás de objetos de valor, e o roubo das placas de ouro ou bronze.

 

“Tiraram as placas com o nome de todos os meus familiares. Tivemos de reunir os parentes aqui para fazer um mapa baseado em nossas lembranças para lembrar quem está onde. Foi muito doloroso, como reviver cada funeral”, diz Norma Herrera, 52, ao mostrar à reportagem o lote da família, com buracos nos locais das placas, no tradicional Cementerio del Este.

Se no começo as cremações passaram a ser comuns, por conta dos custos de um funeral tradicional, agora nem estas podem ser feitas em todos os estados do país. Em Zulia, por exemplo, como reportou a Reuters, Angelica Vera, 27, não pôde cremar o pai, por falta de gás no cemitério local.

“Essas coisas fazem que a tragédia da morte continue acentuando a tristeza da ausência de um parente”, conta Herrera, enquanto mostra, caminhando pelo cemitério caraquenho, algumas sepulturas com o cartaz: “Esta aqui já foi violada”.

“Quase coloquei um cartaz assim na nossa. Porque não basta recolocar as placas, reformar sepulturas, se você pode ter de enfrentar isso tudo de novo”, disse Herrera.

Com a inflação projetada pelo FMI em 1.000% para este ano e a crise gerada pela falta de papel-moeda no mercado, há uma busca extra por metais e pedras preciosas.

Além da migração para as regiões de mineração do país, outra fonte para obtê-los é por meio do roubo de joias, pedras preciosas, bancos que guardam ouro e, por que não, violação de sepulturas e roubos de placas em lápides.

Folhapress.


Bolsonaro passa mal em avião e é atendido por médicos


Foto : Valter Campanato/Ag. Brasil

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) passou mal na manhã de hoje (7) em um voo de Brasília para o Rio de Janeiro. De acordo com o G1, ele foi atendido por médicos da base aérea do Galeão.

 

O político do PSL tomou um remédio errado quando estava na capital federal e teve uma indisposição. O presidente eleito acabou cancelando um compromisso hoje no interior de São Paulo e já está repousando em casa, na zona oeste da capital fluminense. (Metro 1)