Caso Aécio seja eleito, todas as portas estarão abertas para a Bahia, diz Neto

O prefeito ACM Neto (DEM) assegurou nessa sexta-feira (10), durante coletiva para tratar da campanha do presidenciável tucano Aécio Neves, que, caso seu candidato seja eleito presidente, as portas estarão abertas para o governo baiano liderado pelo PT. ” Todos os programas serão mantidos. Aécio assegura recursos para o estado. As portas estarão abertas para … Leia Mais


‘Não houve erro’, diz TRE sobre ação do DEM por vaga na Alba

A contestação feita pela “Coligação Unidos Para Uma Bahia melhor”, encabeçada pelo Democrata (DEM), na última quarta-feira (9), reivindicando mais uma vaga de deputado estadual, não foi aceita pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A oposição alegava que houve erro na distribuição das cadeiras para a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). A coligação afirma que elegeu … Leia Mais



Bahia continua fora do horário de verão, anuncia governo


A Bahia será mantida fora do horário de verão neste ano, segundo informou a assessoria de comunicação do governo estadual ao jornal A Tarde. A medida contraria o setor empresarial, que chegou a mandar uma carta ao governador Jaques Wagner para pedir a inclusão do estado na mudança. O horário de verão começa a adiantar os relógios dos moradores das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste em uma hora a partir do dia 19 de outubro. Dez estados e o Distrito Federal serão afetados pela medida até o dia 16 de fevereiro de 2015. A expectativa do Operador Nacional do Sistema Elétrico é reduzir o consumo de energia. (BN)


Juntos por 65 anos, marido e mulher morrem com 40 minutos de diferença


78820Um casal que estava junto há 65 anos morreu com cerca de 40 minutos de diferença entre um e outro na última sexta-feira (4) em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Italvino Possa, 89 anos, e Diva Alves Possa, 80, passaram os últimos momentos de mãos dadas, com as camas juntas em um quarto no Hospital São Lucas. Ele foi vítima de leucemia e ela de um tumor na bexiga.

O casal deixou 10 filhos, 14 netos e seis bisnetos. Eles se conheceram em 1948, durante um baile, e se casaram um ano deopis. Eles viveram na capital gaúcha e em cidades do interior gaúcho, como Marau e Passo Fundo.

O neto Rafael Max contou que o avô era um romântico que fazia o café da manhã da avó diariamente e sempre a presenteava com flores nos dias do namorado. Eles eram adventistas e gostavam de ajudar o próximo. “Eles sempre buscavam ajudar as pessoas necessitadas, com roupas. Se envolviam em projetos da igreja que frequentavam, e talvez por isso eram tão bons”, diz o neto.rtemagicc_italvino_diva.jpg

Italvino descobriu em agosto do ano passado a leucemia. Diva foi diagnosticada com câncer neste ano, chegando a fazer cirurgia em abril. Na quarta passada, ela estava internada e chamou a família para a reunião. “Ela sentiu que a hora estava chegando, pediu para ver parentes e meu avô foi ao hospital. Depois da conversa que eles tiveram, tanto ela ficou mais tranquila quanto ele, que lutava contra uma doença”, conta Max. Italvino acabou passando mal e foi internado na sexta. Ele morreu às 15h do mesmo dia. Cerca de 40 minutos depois, Diva também morreu. “Minha tia falou no ouvido dela que meu avô tinha partido em paz. Ela ficou mais tranquila”, lembra o neto.


Resultado do 1º turno foi o mais rápido, diz TSE


A divulgação do resultado do primeiro turno da eleição presidencial, quatro minutos antes das 20h, foi a mais rápida da história da Justiça Eleitoral, de acordo com o TSE. Nesse domingo, 5, os candidatos que iriam se enfrentar no segundo turno – Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) – foram conhecidos às 19 horas 56 minutos e 28 segundos, com 91% dos votos válidos apurados. Em 2010, a definição do segundo turno entre Dilma e José Serra (PSDB) aconteceu por volta das 21h. A proclamação oficial do resultado será feita na sessão ordinária do TSE de amanhã, 7, às 19h. Depois de 48 horas da proclamação, o horário eleitoral gratuito para presidente poderá ser reiniciado. Na prática, os programas podem ser veiculados já na quinta-feira à noite, dia 9, mas a decisão depende de um acordo entre os partidos. Os partidos políticos devem comunicar ao TSE ainda amanhã a definição sobre a data de início do programa eleitoral. O presidente da Corte, Dias Toffoli, irá informar a decisão dos partidos – com base nas datas fixadas pelo TSE – logo após a proclamação do resultado. O TSE divulgou nesta segunda balanço geral do primeiro turno das eleições. No total, 115,122 milhões de eleitores foram às urnas (80,61% do eleitorado). Os votos válidos corresponderam a 90,36%, os brancos, a 3,84%) e os nulos a 5,80%. Entre os 84.349 eleitores que solicitaram o voto em trânsito, a abstenção chegou a 11,32%.  Oito seções eleitorais no País utilizaram votação manual, em Jaguaré (ES), Goianésia do Pará (PA), Floresta (PE), Picos (PI), Santo Antônio (RN), Içara (SC), Brasileia (AC) e Salvador (BA).  O tribunal informou que irá recomendar aos Tribunais Regionais Eleitorais que, nas próximas semanas, sejam reforçadas as orientações de procedimentos relacionas a urnas biométricas. Ontem, a votação por cadastro biométrico gerou filas em algumas localidades. No Distrito Federal, por exemplo, onde 100% dos eleitores possuíam cadastro biométrico, o TRE cogitou atrasar o início da apuração por conta da demora. De acordo com o TSE, 21.677.955 eleitores estavam aptos a votar através da biometria nas eleições deste ano. Deste número, 91,5% foram reconhecidos pelas digitais.


Baianos também reclamam que outras pessoas votaram nos seus lugares


Eleitores de todo o Brasil se sentiram insatisfeitos com o sistema eleitoral neste domingo (5), e não foi pelo resultado.  Muitos reclamaram que pessoas votaram no seu lugar. Aqui na Bahia não foi diferente. Em Itagibá, no sul baiano, Vera Lúcia de Jesus Santos, 34, ficou surpresa ao ser informada pelos mesários de sua seção eleitoral, no Colégio Jocelísia de Almeida Fernandes, que alguma outra mulher já havia votado na sua vez. De acordo com informações do site Giro em Ipiaú, uma mulher identificada como Vera Lúcia Damasceno dos Santos foi a que “substitui” Vera Lúcia.
 O problema pode ter sido erro provocado pelos mesários, acredita a coordenadoria da seção. Por conta do impasse, contudo, Vera Lúcia não conseguiu votar e lamentou por isso. Em Feira de Santana, centro-norte baiano, o eleitor Carlos Henrique Mota afirmou ter ido ao Colégio Luís Eduardo Magalhães quando soube que o mesário de sua seção entregou seu comprovante de votação para outra pessoa sem conferir os dados. Seu voto foi cadastrado como já computado. “Acho que é muita falta de atenção e que os mesários são treinados para não cometerem esse tipo de erro”, reclamou Mota ao site Acorda Cidade.
 No país, outros casos de pessoas que não puderam votar porque outras já haviam feito no lugar também foram registrados. Um exemplo é da empregada doméstica Maria José da Silva, no Rio de Janeiro, que foi informada por um mesário que ela já havia votado. “Eu dei o título e a minha identidade. Aí, o rapaz (mesário) falou ‘Ué, mas você já votou’. Eu falei ‘Não, mas eu cheguei agora’. Ele foi conferir e, quando voltou, falou ‘senhora, outra pessoa votou no seu lugar'”, disse Maria José ao impresso carioca Extra.

Câmara Federal pode ter renovação de 50%, prevê estudo


Votação das MP'S Foto: Rodolfo StuckertUm estudo do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) prevê renovação de 50% na Câmara dos Deputados. De acordo com o levantamento, as eleições deste domingo (5) podem superar o índice de renovação dos últimos seis pleitos. Neste ano, 122 deputados não irão tentar a reeleição. No entanto, em média, 70% dos deputados federais que tentam a reeleição são bem-sucedidos. Segundo o diretor de Documento do Diap, Antonio Augusto de Queiroz, a renovação não deve trazer tantas mudanças por conta de a maioria dos candidatos já esta na vida pública há algum tempo. O texto ainda considera que as manifestações de junho do ano passado podem influenciar o voto para novos quadros políticos.Com informações de O Globo.