Governo discutirá aumento do etanol na gasolina

O governo federal convocou uma reunião com representantes do setor produtivo de etanol e da indústria automotiva na sexta-feira (21), às 14h30, em Brasília, para discutir o aumento de 25% para 27,5% na mistura do álcool anidro à gasolina. No encontro o governo deve apresentar os estudos técnicos que mostraram que o aumento da mistura … Leia Mais



Dilma diz que respeita manifestações por impeachment

A presidente Dilma Rousseff disse não concordar com o teor das manifestações que pedem seu impeachment e intervenção militar no país, mas que, ainda, assim, respeita os movimentos populares. Durante entrevista após o encerramento do G20 – reunião das 20 maiores economias do mundo –, ela defendeu que o país chegou a um estágio democrático … Leia Mais


De saída do governo, Wagner põe ponte Salvador-Itaparica em pauta

O governador Jaques Wagner (PT) irá realizar audiência pública em dezembro, último mês de sua gestão, para debater o edital da ponte Salvador-Itaparica. Segundo ele, o empreendimento tem uma engenharia financeira consistente. A projeção é que a construção da ponte custe R$ 5,2 bilhões. A divisão desse montante seria de R$ 2,7 bilhões provenientes do … Leia Mais


Obama acusa Putin de descumprir cessar-fogo na Ucrânia

O presidente norte-americano Barack Obama fez críticas ao líder russo Vladimir Putin neste domingo (16) e insinuou que ele não está cumprindo o acordo de cessar-fogo assinado entre rebeldes separatistas e a Ucrânia em setembro. O presidente dos Estados Unidos fez os comentários rapidamente, após um encontro com líderes europeus para discutir o conflito e a … Leia Mais


Justiça anula decisão de juiz parado na Lei Seca


JUIZ - TRANSITOA 1ª Vara da Comarca de Búzios anulou, na última sexta-feira (14), uma decisão do juiz João Carlos de Souza Correa, que condenou a agente de trânsito Luciana Tamburini a pagar uma indenização após dizer, durante blitz, que “juiz não é Deus”. Depois de uma disputa por um terreno em Tucuns, área de cinco milhões de metros quadrados, a decisão de Correa autorizou o despejo de cerca de 10 mil famílias que tinham o registro por uso capião (direito adquirido por tempo de uso). Para o atual juiz titular da mesma Vara, a medida é “constrangedora”. Além disso, mesmo depois de apontar a necessidade de levantamentos topográficos na região para identificar os donos, o parcelamento do solo foi feito “sem o devido processo legal”.


Filho e neto escondem cadáver de idoso no quintal de casa para continuar recebendo pensão


4jonx84w98_fvpezrw4k_fileUm caso chamou a atenção dos moradores do município de Arataca, localizado a 500 km de Salvador. O filho e o neto esconderam o corpo de um idoso no quintal da casa.

De acordo com informações da delegada Maria Lúcia pereira, da delegacia de São José da Vitória, que investiga o caso, um outro filho do idoso foi visitar à família e, ao chegar a casa, percebeu que o pai não estava. Ao perguntar pela vítima, o coveiro Valdemir de Olindo Santos disse que o homem havia viajado em uma excursão religiosa. O filho desconfiou e registrou queixa na polícia que, ao chegar na casa,  encontrou o corpo do idoso enterrado no quintal.

Santos disse que a vítima estava doente e, após morrer, ele e o filho enterraram o corpo para continuar recebendo a pensão do idoso. Ainda de acordo com informações da delegacia, o neto da vítima confessou ter assassinado um homem há dois anos com golpes de barra de ferro e, com a ajuda do pai, enterrou o corpo também no quintal da casa.

— O jovem confessou a participação no assassinato de um rapaz, que inclusive estava desaparecido. Eles mataram o homem com golpes de ferro e depois enterraram o corpo no quintal da casa. Como o cadáver começou a exalar um cheiro ruim, eles queimaram o corpo para que os vizinhos não sentissem o cheiro.

Ainda de acordo com informações da delegada, os dois suspeitos tiveram a prisão preventiva decretada por ocultação de cadáver e por homicídio admitido pelo jovem de 22 anos.

Somente após a realização dos exames periciais a polícia vai confirmar se os suspeitos foram responsáveis pelo assassinato do idoso, ou se a vítima morreu de causas naturais. A Polícia Civil está investigando o caso.   R7


Vaticano oficializa excomunhão de padre brasileiro que defende união gay


roberto francisco danielA Diocese do Divino Espirito Santo de Bauru (338km de São Paulo) emitiu, na manhã deste sábado (15). um comunicado informando que, após um processo que durou mais de um ano, a Santa Sé declarou oficialmente que o padre Roberto Francisco Daniel, conhecido como padre Beto, está oficialmente excomungado pela Igreja Católica. A Diocese de Bauru havia recebido o comunicado no dia 14 de outubro. De acordo com o documento divulgado, para a decisão não cabe recurso. A excomunhão só será revista caso padre Beto peça perdão pelos atos que culminaram com a pena. Ainda no comunicado, a instituição pede que os fiéis não frequentem e nem participem de possíveis “atos de cultos” realizados por ele. “Todos os matrimônios celebrados (assistidos), após a declaração da pena, pelo mesmo sacerdote, são inválidos pelo próprio Direito”, informa. Assinado pelo padre doutor Tiago Wenceslau, juiz-instrutor para as “matérias reservadas a Sé Apostólica”, o documento pede ainda que as pessoas rezem por padre Beto. “Convido todos os cristãos católicos a rezarem para que o Espírito Santo ilumine a todos, sobretudo, ao referido sacerdote para que tenha a coragem da humildade sabendo pedir perdão e se reconciliando com a Igreja que o acolheu e lhe concedeu o sacerdócio ministerial”, diz o aviso oficial.Padre Beto afirmou que continua a ter a sua fé, mas que agora ela não está ligada a nenhuma denominação. Atualmente padre Beto dá aulas em uma faculdade de Bauru e tem viajado por todo o País para ministrar palestras e para divulgar um livro lançado recentemente. Apesar da decisão da Santa Sé, o sacerdote afirma que o processo movido por ele na Justiça brasileira segue em andamento. Ele argumenta que não teve direito à defesa antes da excomunhão e que o juiz instrutor nomeado pela Diocese de Bauru não tinha competência para julgar. “A decisão da Santa Sé diz respeito ao ato, mas o processo trata do desrespeito da Diocese à Constituição brasileira que não observou o tratado entre o Vaticano e as leis do Brasil”, afirma. Apesar de não servir mais à Igreja Católica, ele afirma que, por ser conhecido como padre Beto, não pretende abandonar o título. “Tem vários padres que deixam de exercer a função por esse ou aquele motivo, mas não deixam de o usar o ‘padre’. Nada me impede de continuar assim”, explica.


Dilma comenta Lava Jato pela 1ª vez e diz que Petrobras não pode ser condenada


xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.WO4JrAIS6TDurante coletiva realizada em Brisbane (Austrália), onde participa do encontro do G20, a presidente Dilma Rousseff citou pela primeira vez a nova etapa da Operação Lava Jato, deflagrada nesta sexta-feira (14). A ação, resultado da investigação sobre um esquema bilionário de lavagem de dinheiro que desviou dinheiro da Petrobras, resultou até agora na prisão de 23 pessoas, entre as quais estão presidentes de empreiteiras e um ex-diretor da estatal. “Não se pode pegar a Petrobras e condenar a empresa. O que nós temos de condenar são pessoas. Pessoas dos dois lados, os corruptos e os corruptores. Eu acredito que a questão da Petrobras é uma questão simbólica para o Brasil. Acho que é a primeira investigação efetiva sobre corrupção no Brasil, que envolve seguimentos privados e públicos”, avaliou. Dilma ainda afirmou os contratos das construtoras com a Petrobras já estão sendo revistos, mas que os acordos com outras empresas públicas não passarão por revisão. “Nem toda a Petrobras, nem todas as empreiteiras. Eu não acho que também dá para demonizar as empreiteiras desse país. São grandes empresas e se A,B, C ou D, praticaram mal-feitos, atos de corrupção ou de corromper, eu acho que eles pagarão por isso”, disse. Segundo o G1, a presidente não entrou em detalhes sobre a reforma ministerial e se limitou, apenas, a dizer que os ministros entregaram cartas de demissão para facilitar a troca dos titulares da pasta.


Garoto de 4 anos afirma ser reencarnação de fuzileiro naval


80644Um mistério em Virginia Beach (Virginia, EUA) tem despertado a curiosidade de milhares de pessoas. Um menino de 4 anos (foto ao lado Reprodução/Internet) afirma ser a reencarnação de um fuzileiro naval morto em 1983 em um bombardeio em Beirut (Líbano).

O caso foi revelado no programa de TV “Ghost Inside My Child” (Há um Fantasma Dentro da Minha Criança, na tradução livre).

A mãe de Andrew, Michele Lucas, contou aos produtores do programa que se preocupou com o filho depois que ele descreveu “sua morte”.

“Ele começou a chorar e me perguntou: ‘Por que você me deixou morrer no fogo?’. Fiquei apavorada não sabia se tinha um espírito dentro dele”, contou Michele.

O menino ainda teria dado o endereço em Sumter (Geórgia, EUA), alegando ter vivido lá em sua “outra vida”. Ainda é obscuro como, mas a partir desta informação Michele encontrou uma conexão entre a história dita pelo garoto e a de um fuzileiro da Marinha chamado Val Lewis, que morreu em 23 de outubro de 1983.

A mulher levou o filho ao túmulo do sargento em Sumter e descreveu ao programa de TV a experiência:

“Ele parou em frente ao túmulo e colocou as flores no chão. Depois ele saiu correndo e parou em outra lápide. Olhou e disse: ‘Esse era o meu amigo’. Ao lado do nome inscrito no túmulo estava uma indicação de que, de fato, aquela era a lápide de alguém que também tinha servido à Marinha”.

Apesar das supostas evidências, Loyd Auerbach, um parapsicólogo ouvido pelo ‘Huffigton Post’ disse que é preciso ter cuidado com as declarações de crianças.

“Algumas vezes, elas simplesmente reproduzem o que escutam na TV”.

A mãe de Andrew disse ter recebido um e-mail de um parente do fuzileiro Val. O homem estaria interessado em conhecer o garoto. A mulher retornou o e-mail, mas ainda não obteve retorno.