Mulher morre carbonizada em incêndio com botijão de gás em Amargosa

A causa do Incêndio ainda será investigada. A moradora de Amargosa, identificada por Luciene de Jesus Santos, 39 anos, morreu carbonizada após um incêndio com um botijão de gás, em uma residência localizada no Loteamento Parque dos Pássaros, bairro Katiara. Segundo informações do site Amargosa News, o acidente ocorreu por volta de 14h. Testemunhas relatam … Leia Mais



Mulher é vítima de tentativa de homicídio em Amargosa

Estado de saúde da vítima é considerado grave. Uma mulher identificada por Taiane Souza, foi atingida por um tiro de arma de fogo na noite deste domingo (15), no município de Amargosa. Segundo o Amargosa Notícias, a tentativa de homicídio ocorreu no Loteamento Cidade Jardim no bairro Catiara. O autor do crime segundo as informações … Leia Mais


Agente da Guarda Municipal de Amargosa é encontrado morto

Revólver possivelmente utilizado foi encontrado no quarto. O agente da Guarda Civil de Amargosa, Francinaldo de Jesus dos Santos, 27 anos, foi encontrado morto na noite desta sexta-feira(13), dentro de uma pousada localizada na Rua Abelardo Veloso, em Amargosa. Segundo a Polícia Militar, Francinaldo foi encontrado já sem sinais vitais vítima de um disparo de arma de … Leia Mais



Morador de Amargosa é encontrado morto em estrada vicinal da cidade de Iramaia


Um amargosense  identificado como João Serra de Andrade, conhecido por “João Foca”, foi encontrado morto em uma estrada vicinal próximo a cidade de Iramaia.

Segundo informações, João Foca , teria sido assassinado por estrangulamento com próprio cinto que ele usava. Ainda de acordo com informações o local onde foi encontrado o corpo havia várias marcas pés, o que leva a entender que houve luta corporal.

Ainda não se sabe o que motivou o crime. A Polícia Técnica esteve no local para fazer o levantamento cadavérico. As informações são do site Recôncavo Noticias.


Falta de dinheiro em caixas eletrônicos no Vale do Jiquiriçá prejudica economia dos municípios


Um problema que já se tornou frequente na vida de que precisa sacar dinheiro em caixa eletrônico e não conseguir, é o famoso ter, mas não poder usar. Diversos municípios da região do Vale do Jiquiriçá passam pelo mesmo dilema, neste domingo (03), a rede Criativa Online, abordou a dificuldade e revolta da população de Amargosa ao tentar sacar dinheiro em caixas eletrônicos do Banco do Brasil da cidade.

Em Mutuípe o problemas também é frequente, no posto avançado do Bradesco, o cliente precisa fazer uma verdadeira peregrinação a “boca do caixa” para a cada 3 ou 4  tentativa acertar uma, na maioria das vezes a máquina está sem dinheiro ou em manutenção.

Volta e meia as unidades bancarias do interior da Bahia faltam dinheiro. Nos fins de semana, atendendo a uma recomendação do sindicato para diminuir os arrombamentos a caixas eletrônicos, a oferta de dinheiro em caixas é reduzida, mas ao que tudo indica durante a semana a pratica também tem sido adotada. A medida prejudica a vida das pessoas e mais ainda o comércio do município que acaba ficando desaquecido.


Agiota é preso com cartões de benefício e senhas de terceiros em Amargosa


Mandado de busca e apreensão cumprido na fazenda de Geraldo Santos, em Amargosa, encontrou dezenas de folhas de cheques e notas promissórias também.

Policiais da Delegacia Territorial (DT), de Amargosa, cumpriram, na segunda-feira (21), um mandado de busca e apreensão na residência e na fazenda de Geraldo Souza dos Santos, o “Geo da Moto Táxi”, de 45 anos, acusado de agiotagem  e suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas.

Durante as buscas, foram apreendidos diversos cartões de benefício e as respectivas senhas, entre eles o do Bolsa Família de uma pessoa, 76 folhas de cheques preenchidos de diferentes bancos, 20 notas promissórias e 97 documentos de IPVA e DUT de veículos.

Conduzido à unidade policial, Geraldo admitiu que atua como agiota e empresta dinheiro há mais de dez, mas nunca esteve envolvido com o comércio ilegal de entorpecentes. As investigações, porém, informou o delegado Adilson Bezerra, titular da DT/Amargosa, continuam.

Segundo ele, a prática de agiotagem é crime contra a economia popular e provoca um duro golpe às vítimas, a maioria de pessoas de baixa renda. “Elas procuram os agiotas para comprar remédios e comida e acabam tendo seus bens ou documentos retidos, como o cartão do Bolsa Família com a senha, por exemplo”, explicou o delegado.

Adilson Bezerra orienta estas pessoas, que tiveram seus cartões e documentos retidos nestas transações, para comparecerem à delegacia e receberem seus pertences. Depois de lavrado o procedimento legal, pelo delegado, no qual foi indiciado por usura, Geraldo Santos foi liberado. Ele vai responder o processo em liberdade.


Grave acidente deixa três mortos e duas crianças em estado grave entre Amargosa e Mutuípe


A Polícia Militar esteve no local e controlou o trânsito durante o socorro das vítimas.

Um grave acidente deixou três vítimas fatais e duas crianças em estado grave no início da tarde deste domingo (23), na BA-540 entre Amargosa e Mutuípe. Outros dois ocupantes do veículo sofreram ferimentos sem gravidade. Todas as vítimas são de Amargosa.

Segundo informações, o acidente ocorreu por volta das 14h. O motorista de um veículo parati, prata, perdeu o controle da direção em um trecho perigoso da rodovia, na região do Córrego, próximo a Amargosa e capotou.

 

As vítimas chegaram a ficar presas nas ferragens. Três pessoas, de identidades ainda não reveladas, faleceram no local. Quatro foram socorridas pelo SAMU, entre elas duas crianças em estado grave, que foram encaminhadas ao Hospital de Amargosa e em seguida transferidas para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus – HRSAJ.

Os corpos serão enviados ao Instituto Médico Legal de Santo Antônio de Jesus. As informações são do Amargosa News.

 


Amargosa: revoltados com a morte do adolescente, familiares ateiam fogo em residência no Alto da Bela Vista


Corpo do adolescente foi encontrado após os acusados levarem a polícia ao local do crime.

Revoltados com a trágica morte do adolescente José Ferreira Santos Neto, de 15 anos, cujo o corpo foi encontrado nesta terça-feira(18), 30 dias após seu desaparecimento, familiares atearam fogo em móveis na residência de uma jovem, que, segundo os familiares, teria envolvimento com os autores do homicídio.

Segundo informações, os familiares tentaram encontrar a jovem para um possível acerto de contas, porém a jovem, que é moradora do bairro Alto da Bela Vista, conseguiu fugir. Os familiares chegaram a atear fogo em móveis dentro da residência, e posteriormente os móveis foram colocados na rua.  O fogo chegou a destruir vários móveis, porém foi controlado. Em contato com a Polícia Civil, o delegado confirmou a informação. Amargosa News.